Alcoa apoia saúde de Juruti com doação de medicamentos

Uma parceria entre Alcoa e Prefeitura de Juruti, garante o atendimento ao protocolo contra a Covid-19 e outros tipos de patologias, por meio de 1.084 unidades de medicamentos doados pela empresa à Secretaria de Saúde. A logística de entregas foi definida pela gestão municipal para atender tanto as Unidades Básicas de Saúde da zona urbana, quanto da zona rural.

Em Juruti, a Alcoa realiza doação de medicamentos à Prefeitura. Foto: Oslan Silva

Os medicamentos serão encaminhados à Farmácia Central do município, conforme explica a Chefe da Divisão de Atenção Básica, enfermeira Alynne Coutinho. “Com essas medicações, vamos produzir os Kits Covid-19, para em seguida distribui-los para as unidades de saúde da cidade e de 15 em 15 dias para o interior”.

O secretário de Saúde de Juruti, enfermeiro Adaías Batista, lembrou que mesmo com a vacinação contra a Covid-19 adiantada no município, os medicamentos reforçam as ações da gestão contra a pandemia e garantem atendimento em relação a outras patologias. “Essa doação da Alcoa é de extrema importância, pois reforça nossas ações diante da pandemia e, também, contra outras patologias do dia a dia. Eles serão usados na Atenção Básica e no Hospital Municipal”, explica.

O gerente geral da Alcoa Juruti, Genesis Costa, lembra que esta ação reforça um dos principais valores da empresa: Cuidar das pessoas. Ele destaca que este tipo de parceria com o Poder Público é importante, pois atende a uma grande parcela da população de Juruti.

Desde o início da pandemia, a empresa, em um esforço conjunto com o Instituto Alcoa e a Alcoa Foundation, investiu o equivalente a R$ 4,6 milhões para o suporte nas ações de prevenção e combate ao novo coronavírus em Juruti.

“Fortalecemos a estrutura de saúde do município com equipamentos médico-hospitalares, EPIs e testes rápidos. No Hospital 9 de Abril, entregamos uma nova ala com 32 leitos, adquirimos equipamentos para a hemodiálise e contratamos médicos intensivistas. Contribuímos com recurso para que o barco-hospital Papa Francisco, pudesse levar atendimentos para 700 comunidades ribeirinhas”, ressalta Genesis.

Logo nos primeiros meses deste ano, durante a segunda onda da Covid-19, a Companhia transportou cilindros de oxigênio aos municípios da Calha Norte, através de parceria com o Governo do Pará; em seguida, adquiriu uma usina de oxigênio, interligada ao Hospital 9 de Abril, que contribuiu para estabilizar o consumo de cilindros.

“Apoiamos, também, a logística da vacinação, com a doação de um automóvel e uma lancha para tornar mais célere este processo, principalmente na zona rural e hoje doamos medicamentos para abastecer as unidades de saúde na cidade e no interior. As ações da Alcoa reforçam o que temos de mais importante: nossas pessoas”, finaliza o gerente-geral da Alcoa Juruti.

As informações são da Alcoa

Deixe uma resposta