Mais de R$ 323 milhões são destinados para a agricultura familiar na Região Norte

Os agricultores familiares da Região Norte foram alvo de investimentos da ordem de R$ 323 milhões nos quatro primeiros meses de 2022 pelo Banco da Amazônia (Basa), que por meio do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (PRONAF), realizou mais de 10.000 operações. Somente no Estado do Pará, o Basa aplicou mais de R$ 58 milhões em contratações para agricultores familiares.

“Este é um avanço importante para o Banco, no ano em que a instituição celebra 80 anos de existência”, comentou o gerente de Pessoas Físicas do Basa, Luiz Lourenço Neto, que explicou após a implementação da plataforma Basa Digital em parceria com as empresas de assistência técnica em toda a região, as contratações para a agricultura familiar deram um salto, acima do dobro do ano passado, quando o Banco contratou no mesmo período o valor de R$ 126,17 milhões em quase três mil operações.

Através do Pronaf, pequenos produtores e agricultores familiares obtêm recursos para o financiamento da produção através de créditos de custeio, investimentos e investimento misto. Com o crédito, eles podem adquirir insumos para o cultivo de açaí, abacaxi, arroz, cacau e mandioca e demais culturas predominantes na região amazônica. Também podem executar projetos de conservação e proteção do meio ambiente, sistemas agro florestais (SAF), recuperação de vegetação nativa, de áreas degradas ou alteradas, energia solar fotovoltaica, implantação, ampliação, modernização de armazéns tecnologias sociais, ambientais e sistemas agro ecológicos ou orgânicos.

Plano Safra 2021/2022

De acordo com o gerente Luiz Lourenço Neto, os interessados em adquirir créditos pelo atual Plano Safra 2021/2022 devem correr. As taxas de juros estão prefixadas e ainda estão bastante vantajosas em relação a outros bancos da região. “As taxas variam conforme a operação de crédito e vão de 0,5% até 4,5% ao ano. Os prazos variam entre 24 meses até 3 anos para quitação dos investimentos. Essas taxas estarão disponíveis até o dia 30 de junho, quando o próximo ciclo do plano safra se inicia”, explicou Lourenço.

Basa Digital

O Basa Digital é uma plataforma que oferece cadastro do cliente, análise socioambiental e análise de projetos integralmente automatizados. Trouxe agilidade na concessão de crédito ao produtor rural, não importando a localização dele. O presidente do Basa, Valdecir Tose, informa que por ele, o Banco financia o crédito sem que o produtor rural precise sair da propriedade dele, sem precisar vir ao banco, por meio dos sindicatos e das assistências técnicas, parceiras da Instituição.

“Somente por meio do Basa Digital aplicamos R$ 132 milhões de janeiro a abril. Este recorde atual ultrapassou o valor do mesmo período de 2021. Vamos fomentar ainda mais a agricultura familiar na região e promover a preservação do meio ambiente esse é o compromisso do Banco da Amazônia”, destacou.

Para verificar as vantagens e condições de acessos aos programas de crédito do Pronaf, o interessado deve acessar o endereço: https://www.bancoamazonia.com.br ou procurar a empresa de Assistência Técnica mais próxima.

Fonte: Banco da Amazônia

Deixe uma resposta