Fametro chega ao Pará e anuncia expansão para outros estados

O Centro Universitário Fametro inicia o segundo semestre anunciando a expansão das atividades para os estados do Pará e Roraima. A instituição, que há 18 anos atua no Amazonas, também está em fase de construção de uma unidade no Distrito Federal. Além das unidades próprias, a Fametro iniciou parcerias em outras regiões, com em Macapá, juntando-se a empreendedores e instituições que já atuam na área educacional.

O mantenedor da Fametro, Wellington Lins, explica que em 2019 a instituição deu início à execução de um plano para ampliar a sua capilaridade, sempre com a determinação de oferecer educação de qualidade. A Fametro inaugurou, no ano passado, seis unidades no interior do Amazonas, nas cidades de Parintins, Itacoatiara, Tabatinga, Tefé, Coari e Manacapuru. No mesmo ano, foram mapeadas as oportunidades de atuação em outros estados. A Fametro adquiriu um imóvel para a instalação de uma unidade em Santarém, no Pará. “As obras estão em fase de conclusão e a previsão de inauguração é no próximo mês, com oferta de cursos técnicos, Educação de Jovens e Adultos (EJA) e ensino superior nas modalidades de Educação à Distância (EAD) e semipresencial”, relacionou.

Recentemente, a Fametro adquiriu o Colégio Objetivo, de Boa Vista, em Roraima. Os planos para a unidade, segundo a reitora da Fametro, Maria do Carmo Seffair, são de manutenção da atuação nos segmentos de educação básica, além da expansão do portfólio com oferta também de cursos técnicos, EJA e ensino superior nas modalidades EAD e semipresencial. A reitora adianta que a Fametro também já deu início ao processo de credenciamento, junto ao Ministério da Educação (MEC), para a instalação de unidades presenciais e cursos na mesma modalidade, no Pará, Roraima e Distrito Federal.

Empreendedorismo – O diretor Administrativo da Fametro, Wellington Lins Jr, diz que o empreendedorismo faz parte do DNA da instituição. “Escolhemos empreender na educação, começando no ensino básico, passando depois para oferta de graduação e agora ampliando o alcance para além do estado e da região”, pontuou. “É um desafio que estamos assumindo com muita responsabilidade”, ressaltou.

De acordo com diretor de Expansão da Fametro, Iyad Amado, ao ampliar a sua atuação para outros estados, além de levar educação de qualidade, a instituição também contribui de maneira direta com a geração de empregos. “Muitos postos de trabalho são criados em cada uma das unidades que operamos. Isso contribui fortemente para a economia local”, afirmou.

A Fametro tem, atualmente, o melhor Índice Geral de Cursos (IGC), entre todas as instituições do Amazonas, conforme dados do MEC. Iyad Amado destaca que, mesmo nesse período de pandemia, em que há muitas dúvidas sobre novos investimentos, a Fametro em nenhum momento pensou em dar uma pausa nos planos de expansão. Prova disso, é o início da operação das unidades do Pará e Roraima. “A Fametro acredita no poder transformador da educação. Sabemos que a formação de novos profissionais será ainda mais importante no cenário futuro de pós-pandemia”, frisou.

Busca por empreendedores – Paralelo aos projetos de inauguração das novas unidades próprias, a Fametro começou a buscar parcerias com empreendedores. O objetivo é a instalação de polos parceiros para a oferta de cursos de educação superior nas modalidades EAD e semipresencial.

Iyad Amado diz que já foi instalado um polo parceiro em Macapá. No Amazonas e em outros estados, existem negociações em andamento e que em breve serão anunciadas. As instituições e empreendedores interessados nesse tipo de parceria podem entrar em contato através do e-mail direcao.expansao@fametro.edu.com.br  ou no número (92) 98168-7775.

Divulgação: Três Comunicação

Deixe uma resposta