Fotógrafo é baleado em assalto com reféns e registra ação da polícia

O fotógrafo Cristino Martins, que trabalha para o jornal O Liberal, foi baleado durante uma tentativa de assalto na noite de ontem (10), na avenida Doutor Freitas, no bairro do Marco, em Belém. Mesmo ferido, o jornalista conseguiu registrar o momento da prisão de um dos criminosos. Na ação policial, outro assaltante morreu após trocar tiros com a polícia. Além do repórter fotográfico, outras duas pessoas ficaram feridas.

De acordo com a polícia, a ação criminosa ocorreu por volta das 22 horas, quando o jornalista Cristino Martins, que nas horas vagas trabalha como motorista de aplicativo, apanhava passageiros no conjunto Costa e Silva, na avenida Almirante Barroso. A dupla de assaltantes rendeu a vítima e invadiu o veículo, fazendo ele e seus passageiros de reféns. Um dos bandidos assumiu o volante do carro.

Uma viatura da Polícia Militar notou a atitude suspeita no interior do veículo e iniciou uma perseguição. O carro do jornalista foi interceptado pela PM à altura da avenida Doutor Freitas, na esquina com a Almirante Barroso. Um dos bandidos reagiu e disparou contra os policiais.

Na troca de tiros, um dos criminosos foi atingido e morreu no local. O jornalista foi baleado na perna de raspão e os passageiros também foram feridos.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) socorreu as vítimas. Um assaltante foi preso pela polícia. A ação foi registrada pelo fotógrafo, mesmo ferido.

O jornalista passa bem. O estado de saúde das outras vítimas não foi informado ainda.

Deixe uma resposta